quarta-feira, 21 de junho de 2017

Sertão em festa



Sertão em Festa


A chuva está caindo
No sertão nordestino.
A terra recebe sorrindo
Esses pingos cristalinos.

O sertão está em festa,
Com os pássaros a cantar
A mais melodiosa seresta
Que a todos vem encantar.

Embalado neste doce cantar,
O vento rodopia alegremente
Entre as plantas a bailar,
Ora com ardor, ora docemente.

Nas árvores: folhas e flores.
A vida se matiza de harmonia
Nas mais lindas cores,
Vestindo o sertão de alegria.

Os fios de prata vindos do céu
Geram a maior festividade,
Provocando grande escarcéu,
Seja no sertão ou na cidade.


13 comentários:

dinapoetisadapaz disse...

Bom dia minha nobre amiga,
Parabéns pelo nascimento da linda cria em tela. O poema é um primor poético, sua veia poética sangrou inspiração.Um poema que é mesmo cara do sertão. a capa do blog ficou um luxo, só posso dizer : parabéns por tão bela criatividade.
Me aguarde que em breve vou ver isso ai ao vivo e a cores.

Bjs!

Lucia Silva disse...

Criatividade sim, mas o incentivo, a ajuda e o relevante apoio que recebo de você são ingredientes básicos para o nascimento dessa minha nova cria. Serei sempre grata a você por essa disponibilidade que tens no coração e me reveste de ousadia para criar poesias, blog para postar meus trabalhos e as interações dos amigos. Beijos carinhosos!

Célia Rangel disse...

Que belo momento você, Lúcia, nos oferece! Visão verbal e extraverbal perfeitas! Parabéns!
Abraço.

Lucia Silva disse...

Obrigada Célia pela sua visita ao meu novo blog, seu comentário elogioso ao meu poetar e por estar me seguindo. Beijos carinhosos!

Gracita disse...

Olá Lúcia
São as gotinhas abençoadas que faz florir o sertão e traz o sorriso aos lábios de quem por ela espera com fé inabalável
Uma exuberante construção poética minha amiga
Amei ler!!!
Beijos

Lucia Silva disse...

Obrigada Gracita pela sua presença maravilhosa e constante aos meus blogs e pelos comentários elogiosos. Beijos no seu coração!

Poesia do Bem disse...

Bom dia. Vim seguir vc aqui tbm. O sertão vira festa com chuva e bençãos do céu, fartura!

Lucia Silva disse...

Muito grata Paula pelo carinho aos meus blogs, sempre marcando presença por meio das visitas, comentários e me seguindo, isso me faz muito feliz, beijos carinhosos!

Anete disse...

Imagino a alegria de todos, Lúcia! Chuva muito bem-vinda!...
Lindo poema...
Bj

Estação Cigana disse...

Oi Lucia!
Parabéns pela poesia e pelo blog.
Estou seguindo-te também por aqui.
Gratidão por tua carinhosa visita.
Uma excelente semana pra ti.
abração com carinho

Toninho disse...

Que as águas sempre caiam em doses certas e que o chão se abra para a fecundação do grão, que venha por fim ao sofrimento da população,que sofre com a seca e morre no tórrido chão.
Amei sua pagina amiga e já sigo.
Gostei e amei as ilustrações.
Bjs.

Lucia Silva disse...

Obrigada meus queridos amigos e amigas por me seguirem nesse novo blog, pelos comentários elogiosos e pela agradável e prazerosa visita de vocês ao meu espaço. Um beijo no coração de todos!

PARAÍBA PARA O MUNDO disse...

Lucia troquei o link do blog alegria de viver, passou a ser:

http://pensandoempoesia.blogspot.com.br